Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica - PIBIC

Publicado: Terça, 17 de Julho de 2018, 14h53 | Última atualização em Segunda, 01 de Outubro de 2018, 19h27 | Acessos: 279

Com a finalidade de proporcionar treinamento de iniciação científica aos alunos de graduação com vocação para pesquisa, visando sua futura inserção na pós-graduação, a UFAM desenvolve com bolsas do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) desde 1988 o Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica - PIBIC, recebendo também bolsas da Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas (FAPEAM) a partir de 2003, o qual permite a convivência e aprendizado de alunos com pesquisadores e pós-graduandos nos grupos de pesquisa da UFAM cadastrados no Diretório do CNPq. Tal interação permite ao aluno/bolsista um melhor aproveitamento quando de seu ingresso em cursos de mestrado e doutorado e tem permitido atingir os objetivos principais do programa que são:

- Contribuir para a formação de recursos humanos para a pesquisa.

- Contribuir de forma decisiva para reduzir o tempo médio de titulação de mestres e doutores.

-Contribuir para que, na próxima década, diminuam as disparidades regionais na distribuição da competência científica no País.

A UFAM possui grande tradição na formação acadêmica de talentos amazonenses em nível de graduação e pós-graduação e os Programas PIBIC/UFAM e PIBIC Jr/UFAM complementam a sua política de incentivo ao aperfeiçoamento intelectual e formação de recursos humanos qualificados para o desenvolvimento da pesquisa científica na região, despertando os jovens para esta atividade, estimulando-os a buscar a carreira de pesquisador, além de contribuir diretamente para a melhoria do ensino médio na região. No ano de 2007 o programa foi expandido para as Unidades Acadêmicas da UFAM instaladas nos municípios de Benjamin Constant, Coari e Humaitá e em 2008 nos municípios de Itacoatiara e Parintins.

Para mais informações acesse: http://www.propesp.ufam.edu.br

 N

Iniciação Científica

Orientador

Acadêmico

Bolsa/Voluntário

1

ESTRATÉGIAS DE ENSINO NA MELHORIA DO PROCESSO ENSINO-APRENDIZADO NA SISTEMATIZAÇÃO DA ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM: UMA REVISÃO SISTEMÁTICA

Dra Sáskia Sampaio Cipriano de Menezes

Bianca de Castro Albuquerque

UFAM

2

O PERFIL DO ACADÊMICO DE ENFERMAGEM

DrGilsirene Scantlebury de Almeida

Camila Souza de Araújo

Voluntária

3

FATORES DETERMINANTES DO ESTILO DE VIDA DE ESTUDANTES DE ENFERMAGEM

DrGilsirene Scantlebury de Almeida

Iago Orleans Pinheiro Monteiro

UFAM

4

PERFIL DOS PACIENTES EM DOENÇAS RENAL CRÔNICA

DrGilsirene Scantlebury de Almeida

Marcos Vinícius Sena Souza

FAPEAM

5

PERSPECTIVAS DO ACADÊMICOS QUANTO AO CURSO DE ENFERMAGEM

DrGilsirene Scantlebury de Almeida

Natália Rayanne Souza

Voluntária

6

INTEGRALIDADE NOS SERVIÇOS DE APS DO DISA LESTE DE MANAUS: NA PERSPECTIVA DOS PROFISSIOANIS DE ENFERMAGEM

Dr. Esron Carvalho Rocha

Adriano da Silva Meireles

FAPEAM

7

PROFISSIONAIS DE ENFERMAGEM SAÚDE INDÍGENA: SATISFAÇÃO NO TRABALHO

Dr. Esron Carvalho Rocha

Albert Einstein Tavares de Seixas

UFAM

8

SAÚDE COLETIVA NA FORMAÇÃO DO ENFERMEIRO: ANÁLISE DOS PROJETOS PEDAGÓGICOS DOS CURSOS DE ENFERMAGEM DO AMAZONAS

Dr. Esron Carvalho Rocha

Gabriel Felipe da Costa Moura

Voluntário

9

AVALIAÇÃO DOS ATRIBUTOS DA COORDENAÇÃO DA ATENÇÃO PRIMÁRIA Á SAÚDE NA PERSTECTIVA DOS PROFISSIONAIS DE SAÚDE DO MUNICÍPIO DE MANAUS

Dr. Henry Walber Dantas Vieira

Lara Abreu Ribeiro Alves

UFAM

10

RELIGIOSIDADE/ESPERITUALIDADE EM PACIENTES PORTADORES DE HIV E AIDS: QUALIDADE DE VIDA E SAÚDE

Dr. Henry Walber Dantas Vieira

Rebeca CaranhaAraújo

FAPEAM

11

A PRESENÇA DO CONTEÚDO RELIGIOSIDADE E ESPIRITUALIDADE NA PRÁTICA CLÍNICA EM SAÚDE MENTAL

Dr. Henry Walber Dantas Vieira

Deisiane Duarte Rodrigues

FAPEAM

12

DESENVOLVIMENTO DE UM SOFTWARE GUIADO PELO PROCESSO DE ENFERMAGEM PARA AUXILIAR O ENFERMEIRO E TRATAMENTO DE LESÕES POR PRESSÃO

Dra Nariani Souza Galvão

Júlio Cesar Oliveira de Souza

CNPq

13

A VIGILÂNCIA NA SAÚDE NO TRABALHO DIRETAMENTE OBSERVADO DA TUBERCULOSE NO DISTRITO SANITÁRIO OESTE DE MANAUS

Dra Ana Carolina Scarpel Mocaio

Luciene Oliveira da Cruz

Voluntária

14

AVALIAÇÃO DO RISCO DE QUEDA EM PACIENTES HOSPITALIZADOS E AS CONDUTAS DE ENFERMAGEM

MSc Ana Katly Guaberto

Anne Kimi Vasconcelos Okazaki

UFAM

15

CARACTERIZAÇÃO DOS FATORES SOCIODEMOGRÁFICO, CLÍNICOS E EPIDEMIOLÓGICOS EM PACIENTES COM TUBERCULOSE E DIABETES MELLITUS

Dra Ana Carolina Scarpel Mocaio

Ellen Cristine de Oliveira Silveira

UFAM

16

INCAPACIDADES POR ACIDENTE VASCULAR ENCEFÁLICO EM IDOSOS: O IMPACTO SOBRE A DINÂMICA FAMILIAR

MSc Camila Bezerra

Isabelle Gomes Nogueira

Voluntária

17

AUTOPERCEPÇÃO DOS IDOSOS INSTITUCIONALIZADOS SOBRE O PROCESSO DO ENVELHECIMENTO

MSc Camila Bezerra

Rayziane Christiele de Freitas Fonseca

Voluntária

18

FATORES QUE INTERFEREM NA TERAPIA MEDICAMENTOSA EM IDOSOS DIABÉTICOS 

MSc Camila Bezerra

Diego Ximendes da Silva

UFAM

19

O ENSINO DO PENSAMENTO CRÍTICO NA PERSPECTIVA DOS ESTUDANTES DE GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM

Dra Rizioléia Marina Pinheiro Pina

Rosana Evangelista Ichihara

Voluntário

20

EDUCAÇÃO EM SAÚDE NOS PROJETOS DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA PARA IMPLEMENTAÇÃO DE POLÍTICAS PÚBLICAS: DESAFIO A SER VENCIDO PELOS CURSOS DA ÁREA DA SAÚDE

Dra Rizioléia Marina Pinheiro Pina

Karoline Costa Souza

Voluntária

21

A INGESTÃO DE BEBIDA ALCOÓLICA COMO COMPONENTE DA AVALIAÇÃO DE FATORES DE RISCO CARDIOVASCULAR DOS INDÍGENAS MUNDURUKU DA COMUNIDADE DO KWATÁ-LARANJAL

Dra Rizioléia Marina Pinheiro Pina

Adriana Avelino Leal

UFAM

22

PREVALÊNCIA DE PRESSÃO ARTERIAL ELEVADA EM SERVIDORES DAS PRÓ-REITORIAS DAS UNIVERSIDADESPÚBLICAS DA CIDADE DE MANAUS

Dra Noeli das Neves Toledo

Carla Santiago

UFAM

23

ASSOCIAÇÃO ENTRE ATIVIDADE FÍSICA E FATORES DE RISCO CARDIOVASCULARES DOS MUNDURUKU DA TERRA INDÍGENA KWATÁ-LARANJAL.

Dra Noeli das Neves Toledo

Mirelly Tavares Feitosa Pereira

CNPq

24

FATOR DE RISCO CARDIOVASCULAR EM TRABALHADORES DE ENFERMAGEM EM UM HOSPITAL UNIVERSITÁRIO

Dra Noeli das Neves Toledo

Yuri Cascaes Azevedo

UFAM

25

SINTOMAS DEPRESSIVOS EM TRABALHADORES DE ENFERMAGEM DA ASSISTÊNCIA HOSPITALAR

Dr. José Ricardo da Fonseca

Teniles Erika Vale de Oliveira

CNPq

26

PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO NA PRÁTICA DA ENFERMAGEM

Dra Hadelândia Milon de Oliveira

Stephany dos Santos Amaral

FAPEAM

27

SEGURANÇA DO PACIENTE NO PROCESSO DE PREVENÇÃO E TRATAMENTO DA LESÃO POR PRESSÃO

Dra Hadelândia Milon de Oliveira

Thalys Silva Bezerra

CNPq

28

A QUALIDADE DA ASSISTÊNCIA DA EQUIPE DE ENFERMAGEM NA UNIDADE INTERMEDIÁRIA NEONATAL CANGURU: ÓTICA DAS MÃES

Dra Hadelândia Milon de Oliveira

 

Stephanie da Costa Soares

Voluntária

29

EMPODERAMENTO DO PACIENTE COMO PARTÍCIPE NO PROCESSO DO CUIDAR

Dra Hadelândia Milon de Oliveira

Rodrigo da Silva Ramos

FAPEAM

30

PUERICULTURA: POTENCIALIDADES E FRAGILIDADES NA ASSISTÊNCIA DO ENFERMEIRO DA ESTRATÉGIA SAÚDE DA FAMÍLIA NO MUNICÍPIO DE MANAUS

MSc Sineide Santos de Souza

Alinne da Rocha Torres

Voluntária

31

EVOLUÇÃO DAS INTERNAÇÕES POR CONDIÇÕES SENSÍVEIS À ATENÇÃO PRIMÁRIA EM CRIANÇAS MENORES DE 5 ANOS, MANAUS 

MSc Sineide Santos de Souza

Ciro Judá Vargas Batista de Mendonça

Voluntário

32

ACESSO NA ATENÇÃO BÁSICA À SAÚDE DA CRIANÇA NO MUNICÍPIO DE MAUÉS/AM

MSc Sineide Santos de Souza

Thais Moreira Gomes

UFAM

33

VILÊNCIA OBSTÉTRICA EM PUERPERAS INTERNADAS EM MATERNIDADE PÚBLICA

Dra Maria Suely de Sousa Pereira

Luana Praia de Souza

UFAM

33

EFEITO DE UMA INTERVENÇÃO EDUCATIVA SOBRE O CONHECIMENTO DA VIOLÊNCIA OBSTÉTRICA EM GESTANTES ATENDIDAS EM UMA UNIDADE BÁSICA DE SAÚDE EM MANAUS, AM

Dra Maria Suely de Sousa Pereira

Bruna Marcela Queiroz Melo

Voluntária

35

ESTUDO TRANSVERSAL COM VARIÁVEIS SOCIAIS, DEMOGRÁFICAS E CLÍNICAS DOS PACIENTES COM ÚLCERAS VASCULOGÊNICAS EM ATENDIMENTO AMBULATORIAL DE ENFERMAGEM EM MANAUS

Dra Nariani Souza Galvão

Fabiana de Paula Gomes

Voluntária

36

PIBITI – DESENVOVLIVMENTO DE UM ALGORITMO E DE UM SOFTWARE SOBRE O ASSISTÊNCIA A PACIENTES PORTADORES DE ÚLCERA DIABÉTICA

Dra Nariani Souza Galvão

Ciro Rodrigo Rabelo da Mata

CNPq

37

A OPÇÃO PELA ENFERMAGEM COMO FORMAÇÃO PROFISSIONAL

Dra Nair Chase da Silva

André Nascimento Honorato Gomes

 

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página